Paul Varelans - Reprodução
Paul VarelansReprodução
Por Lance
Rio - O mundo da luta recebeu com tristeza no último sábado (16) a notícia da morte de Paul Varelans. Conhecido por ser um dos pioneiros do UFC, o americano faleceu aos 51 anos e enfrentava a luta contra a Covid-19 desde dezembro do ano passado. Nos últimos dias, o ex-lutador estava em coma induzido em um hospital de Atlanta, nos Estados Unidos, mas não resistiu às complicações do vírus e veio a óbito.
Varelans anunciou em sua própria rede social, em 12 de dezembro, que havia sido diagnosticado com o novo coronavírus: - A melhor maneira de comparar a sensação do covid-19 em minha experiência é como se estivesse lutando contra um cara que se especializou em socos nos rins, e ele nunca para de bater - disse Paul, na ocasião. Poucos dias após a confirmação do diagnóstico, o americano foi colocado em coma induzido e em ventilação mecânica. A confirmação da morte de Paul Varelans também veio através de sua página.

Nascido em 1969, Paul Varelans construiu um cartel de nove vitórias e nove derrotas no MMA. No UFC, o "Urso Polar", como era conhecido, lutou as edições 6, 7 e 8 da organização, que foram disputadas entre os anos de 1995 e 1996, e ficou conhecido por fazer a final do UFC 7 contra o lendário Marco Ruas, sendo derrotado pelo brasileiro por nocaute após pouco mais de 13 minutos de combate. Ao longo de sua trajetória, o americano também enfrentou nomes como Dan Severn e Carlão Barreto.