Pela Copa do Brasil, Botafogo tenta aproveitar boa fase como mandante

Alvinegro encara o Ceará na estreia pela competição

Por pedro.logato

Rio - Sem ter sofrido nenhuma derrota como mandante no Brasileirão, o Botafogo volta a jogar no Maracanã nesta quarta-feira, contando com a sua torcida para outra missão: sair na frente do Ceará pelas oitavas de final da Copa do Brasil. Para levar vantagem, o técnico Vagner Mancini começou a montar o time alvinegro com a volta de Emerson Sheik.

Botafogo volta a atuar no MaracanãAndré Luiz Mello

O atacante estava sem atuar nos últimos três jogos do Brasileiro, contra Fluminense, Figueirense e Chapecoense, cumprindo suspensão. Mas Sheik também preocupava por conta de um torcicolo e mostrou estar recuperado ao ser escalado entre os titulares no coletivo de ontem à tarde, no Engenhão. Ele entrou no lugar de Daniel, que sente dores na coxa direita. No domingo, pelo Brasileiro, contra o Santos, Sheik teria de cumprir mais um jogo de suspensão, mas o Botafogo conseguiu um efeito suspensivo.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

“Agora voltamos o foco para a Copa do Brasil, que é um torneio diferente e pode nos levar para a Libertadores. Estamos cientes que não podemos sofrer gol em casa para não deixar em aberto o jogo da volta”, alertou Ramírez.

Com o time em 14º lugar no Brasileiro, Ramírez destacou a importância da Copa do Brasil na temporada: “É uma chance real para ganhar um título. O Brasileiro é longo e a nossa prioridade é somar pontos. Na Copa do Brasil serão oito jogos difíceis e temos que pensar primeiro no Ceará para seguir firme”.

Airton, que deixou o jogo contra a Chapecoense sentindo dores musculares, treinou ontem. O time titular teve Jefferson, Edilson, Bolívar, André Bahia e Junior Cesar; Airton, Gabriel, Ramírez e Zeballos; Emerson e Ferreyra.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia