Por WhatsApp, jogadores do Botafogo recebem recomendações sobre coronavírus

Na tarde da última segunda-feira, o clube oficializou a suspensão do treinos do profissional e da base por 15 dias

Por Lance

Jogadores do Botafogo entram no Nilton Santos usando máscaras no último domingo
Jogadores do Botafogo entram no Nilton Santos usando máscaras no último domingo -
Rio - Na tarde da última segunda-feira, o Botafogo oficializou a suspensão do treinos do profissional e da base por 15 dias, além de outras medidas quanto a funcionários da sede e escolinhas, por exemplo (veja aqui). O time de Paulo Autuori entrou em campo no último domingo e, ontem, folgou. Já nesta terça, o clube emitiu uma programação física para este período de inatividade ao elenco.

Os jogadores receberam dois documentos via WhatsApp. Um dá conta de recomendações do departamento médico do Alvinegro para a prevenção do COVID-19, como as formas apropriadas de higienização das mãos, e situações a serem evitadas. O outro traz um fluxograma de casos suspeitos, colaborando para que o plantel saiba se vale o risco de correr para realização de exames.

Como a recomendação dos órgãos públicos é que a população fique em casa, com os jogadores não é diferente. Assim, o Botafogo indicou atividades funcionais a serem realizadas nas residências dos atletas alvinegros - cujos os com contratempos físicos terão um acompanhamento mais rígido.

O LANCE! apurou que não há horário específico para a realização das atividades físicas. Ou seja, o jogador fica livre para escolher o período do dia e a estrutura mais adequada - e segura, evidentemente - para tais treinos. Já a alimentação segue a rotineira e recomendada pelo nutricionista do clube, Rodrigo Vilhena.

Comentários