John Textor esteve no Rio para conhecer as instalações do BotafogoVítor Silva / Botafogo

Além do Botafogo, John Textor também adquiriu outro clube, desta vez na Bélgica. Nesta terça-feira, o o RWD Molenbeek, da segunda divisão do país, anunciou que o empresário norte-americano, que comanda a Eagle Holdings, tornou-se o principal acionista.
O clube não divulgou detalhes da assinatura do contrato, mas a imprensa belga publicou que Textor, que também é um dos donos do Crystal Palace, da Inglaterra, adquiriu 80% das ações do modesto clube, que está em terceiro lugar na segunda divisão da Bélgica e que foi fundado em 2014 por empresários. Os outros 20% ficarão com Thierry Dailly, presidente do RWD Molenbeek.
"Graças a esse investimento, o RWDM poderá continuar se profissionalizando e conseguir realizar suas ambições futuras. A chegada de John Textor ao capital social do clube ajudará a desenvolver a equipe, a infraestrutura do clube e as categorias de base", disse o comunicado do RWDM, conhecido por ser um dos grandes formadores de jovens do futebol belga.
Nesta semana, Textor e Botafogo assinaram uma oferta vinculante, um dos últimos passos para a venda de 90% da SAF do futebol do clube. O empresário irá investir R$ 400 milhões, sendo que de imediato entrarão R$ 50 milhões para a regularização de salários e outros pagamentos.