Rodrigo Caio
Rodrigo Caio Alexandre Vidal/Flamengo
Por Venê Casagrande
O técnico Rogério Ceni deve ter problema para escalar a zaga do Flamengo para o jogo contra o Volta Redonda no sábado, no Maracanã, em jogo que vale o título da Taça Guanabara. O zagueiro Rodrigo Caio voltou a sentir incômodo muscular em uma das coxas (mesmo local que sofreu contusão recentemente) e preocupa a comissão técnica rubro-negra.

O problema físico em Rodrigo Caio voltou no último sábado, quando o jogador entrou em campo diante da Portuguesa-RJ e sentiu desconforto muscular, algo que fez o jogador pedir substituição durante o intervalo. Segundo o jogador, em entrevista logo após o término do primeiro tempo, o camisa 3 disse que o estado do gramado da Ilha do Governador, pesado, colaborou para as dores voltarem.

Segundo apurou a reportagem, Rodrigo Caio chegou a fazer ressonância magnética durante esta semana para saber a gravidade da lesão, que foi considerada 'leve', mas que preocupa para os dois próximos jogos do Flamengo, contra o Volta Redonda (no sábado, pela Taça Guanabara) e La Calera (na terça, pela Libertadores da América).

Nesta quarta-feira, o elenco recebeu folga, e a reapresentação está marcada para a manhã desta quinta-feira, quando Rogério Ceni inicia a preparação para o confronto com o Voltaço. A tendência é que Rodrigo Caio faça trabalhos com a fisioterapia.
Sem Rodrigo Caio na estreia da Libertadores, Rogério Ceni optou por Arão e Gustavo Henrique como dupla de zaga para encarar o Vélez. O treinador terá dois dias de preparação para decidir se mantém os dois no setor defensivo ou se fará mudanças.