Edmundo elogia poder ofensivo do Flamengo mas critica um jogador: 'Acaba destoando'

Animal gostou do desempenho de jogadores do Rubro-Negro na final da Taça Guanabara, mas nem todo mundo agradou

Por O Dia

Edmundo fala sobre Ceifador
Edmundo fala sobre Ceifador - Reprodução

Rio - O Flamengo comemorou seu 21º título da Taça Guanabara, o primeiro turno do Campeonato Carioca. Neste domingo, em Cariacica, os rubro-negros deslancharam no segundo tempo, derrotaram o Boavista, por 2 a 0, no estádio Kleber Andrade, e se tornaram campeões. No programa 'A Última Palavra', o comentarista Edmundo tratou de elogiar o quarteto de criação do Rubro-Negro, Diego, Everton, Lucas Paquetá e Éverton Ribeiro. Porém, um jogador ficou devendo na visão do ex-jogador.

"Acho que pela primeira vez nesse esquema 4-1-4-1 do Carpegiani, os quatro jogadores de frente jogaram bem, oscilaram, um começou melhor, depois outro melhorou, mas os quatro fizeram boa partida. Quem acaba "destoando" é o Henrique Dourado, porque tecnicamente não é um jogador espetacular, aí ele não faz gol e fica aquela dúvida se ele jogou bem ou mal", analisou o comentarista.

O Flamengo já se garantiu na fase final do Campeonato Carioca, tempo que o treinador rubro-negro irá usar para preparar seu time para a Libertadores. O Rubro-Negro estreia na competição internacional contra o River Plate, dia 28 de fevereiro, no Estádio Nilton Santos, com portões fechados.

Comentários