De solução para o ataque ao esquecimento no Flamengo

Contratado para ser titular, Uribe não é aproveitado por Mauricio Barbieri há três jogos

Por

Uribe treina no Ninho do Urubu: o colombiano fez um gol pelo time rubro-negro
Uribe treina no Ninho do Urubu: o colombiano fez um gol pelo time rubro-negro -

Rio - Contratado no meio do ano, Fernando Uribe chegou ao Flamengo como esperança de gols. Com a má fase do titular Henrique Dourado, o colombiano não demorou a ganhar uma oportunidade como titular da equipe, mas, ainda em adaptação ao futebol brasileiro, acabou deixando de ser a primeira opção para nem mesmo ser aproveitado. Já são três partidas sem jogar. Na decisão contra o Cruzeiro pela Libertadores da América, ele não foi nem relacionado.

Recém-chegado ao Rio, Uribe foi contratado para disputar posição com Dourado, mas só precisou de três jogos para virar titular com Mauricio Barbieri. Ele fez um gol, na vitória sobre o Sport. O problema é que, depois, não conseguiu mais marcar, já amarga jejum de um mês (quatro jogos) e acabou perdendo novamente a disputa pela posição de centroavante.

Com contrato de três anos, Uribe, que chegou para suprir a saída de Guerrero, ainda ganhará novas oportunidades ao longo da temporada. Na avaliação da comissão técnica, o pouco tempo de adaptação contribuiu para o desempenho abaixo do esperado neste início e, por isso, o colombiano acabou ficando em segundo plano no momento, mas com a esperança da diretoria e dos torcedores de que possa voltar a campo e fazer gols em breve.

MAIS DE 32 MIL INGRESSOS

Quatro pontos atrás do líder São Paulo no Campeonato Brasileiro, o Flamengo conta com o Maracanã cheio no domingo, às 11h, contra o Ceará, para tentar diminuir a vantagem. E a tendência é de mais um jogo com casa cheia. Até o início da noite de ontem, já haviam sido vendidos mais de 32 mil ingressos, segundo o clube. Depois, o Rubro-Negro vai encarar o confronto direto com o segundo colocado Internacional, fora de casa.

 

Comentários