Flamengo sem margem de erro contra o Cruzeiro

Só a vitória interessa para manter vivo o sonho de chegar ao hepta

Por O Dia

De saída para o futebol italiano, Lucas Paquetá pode fazer hoje o penúltimo jogo com a camisa rubro-negra
De saída para o futebol italiano, Lucas Paquetá pode fazer hoje o penúltimo jogo com a camisa rubro-negra -

Rio - O Flamengo encara o Cruzeiro, às 17h, no Mineirão, para manter vivo o sonho de ser campeão brasileiro pela sétima vez. Mesmo que não dependa apenas dos próprios esforços precisa que o Palmeiras não vença o Vasco, em São Januário , só a vitória interessa ao Rubro-Negro para levar a decisão para a última rodada.

Diante de um adversário que tem sido uma pedra no sapato em competições importantes, o time de Dorival Júnior precisa superar o trauma de enfrentar a Raposa em momentos decisivos. No mesmo Mineirão, o Flamengo perdeu nos pênaltis a final da Copa do Brasil de 2017 e foi eliminado nas oitavas de final da Libertadores.

Por outro lado, a casa do rival não costuma assustar o Rubro-Negro, que não perde no estádio desde 2015. Foram duas vitórias e dois empates desde então. O volante Willian Arão, presente nos tropeços diante do rival, deu a receita para sair com os três pontos. "O Cruzeiro é um adversário difícil, o enfrentamos em jogos decisivos desde o ano passado. Não podemos deixá-los gostar do jogo. Temos que dominar as ações na maior parte do tempo".

DÚVIDA ENTRE DIEGO E PAQUETÁ

Dorival Júnior, como de costume, fez mistério sobre a escalação para o jogo de hoje. No meio de campo, Lucas Paquetá, suspenso na última rodada, pode perder o lugar para Diego. O camisa 10 aproveitou bem a oportunidade que teve contra o Grêmio, teve boa atuação e marcou o segundo gol na vitória por 2 a 0, no Maracanã.

Além da expulsão infantil contra o Sport, Paquetá não teve boas atuações nos últimos jogos. Se entrar em campo, essa será sua penúltima partida pelo Flamengo, já que está vendido ao Milan e vai para Itália em janeiro.

Comentários