Parecer sobre o Ninho sai na sexta-feira

Relatório de vistoria no CT será apresentado em reunião na sede do MP-RJ visando à adoção de medidas para sua regularização

Por O Dia


PERÍCIA
Carro da Polícia Civil chega ao Ninho  do Urubu para dar sequência à investigação
PERÍCIA Carro da Polícia Civil chega ao Ninho do Urubu para dar sequência à investigação -

Rio - O Ninho do Urubu recebeu ontem uma vistoria técnica do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MP-RJ), da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro (DPRJ) e do Ministério Público do Trabalho (MPT). O Centro de Treinamento não foi interditado, mas ainda não houve um parecer final.

Cada instituição apresentará relatório conclusivo na sexta-feira, uma semana após o incêndio no alojamento das categorias de base do clube rubro-negro que resultou na morte de dez garotos. O parecer será apresentado em reunião a ser realizada na sede do MP-RJ, para a adoção das medidas cabíveis junto ao clube para a regularização do Centro de Treinamento.

Em nota, o MP-RJ explicou que as instituições que compõem a força-tarefa recolheram informações técnicas relacionadas às instalações do Ninho e a questões ligadas à proteção dos direitos da infância e da juventude. Também foram requisitados documentos para análise da perícia.

Ainda estiveram presentes representantes da Polícia Civil, do Corpo de Bombeiros, da Defesa Civil e da Prefeitura do Rio, que recolheram material para a complementação do parecer sobre a inspeção.

Ontem, funcionários do Flamengo prestaram depoimento na 42ª DP (Recreio) no inquérito que investiga a morte dos dez jogadores.

AUTOS DE INFRAÇÃO

No dia da tragédia, a prefeitura informou que a atual licença do CT vale até o dia 8 de março, mas a área atingida pelo incêndio não constava como edificada, sendo descrita pelo clube como um estacionamento. Destacou que foram lavrados mais de 30 autos de infração por estar em funcionamento sem o devido alvará.

Ontem, a Secretaria Municipal de Urbanismo emitiu um comunicado sobre as vistorias nos CTs de Fluminense e Vasco realizadas na segunda-feira. Sobre o CT do Vasco, em Vargem Pequena, os técnicos constataram obras não licenciadas em andamento. A secretaria entregará hoje uma notificação de embargo e o clube receberá multa. No CT do Fluminense, em Jacarepaguá, a vistoria não constatou obras em andamento. De acordo com a nota, "o projeto aprovado confere quanto à projeção e volumetria dos prédios".

A Secretaria Municipal de Fazenda do Rio confirmou que os dois CTs foram autuados por falta de alvará de licença para estabelecimento.

Jhonata vai poder voltar aos gramados

Jhonata Cruz Ventura, de 15 anos, ferido em estado mais grave no incêndio no Ninho do Urubu, já está acordado e começando a atender a comandos simples, segundo boletim da Secretaria Municipal de Saúde divulgado ontem. De acordo com Carlos Alberto Araújo, diretor do Hospital Pedro II, em Santa Cruz, onde Jhonata está internado, o sonho do menino de virar jogador profissional poderá ser mantido.

"Existem algumas complicações em pacientes queimados que ele não chegou a apresentar. Por ser jovem e atleta, facilitou a recuperação dele. A gente tem ficado feliz com a recuperação dele, mas cauteloso, porque é passível de algumas complicações. (...)", afirmou o diretor, ao site Globoesporte.com.

"Ele é jovem, atleta, tem uma capacidade vascular e uma capacidade pulmonar melhores, não é tabagista... Ele vai poder voltar a jogar futebol, não vejo nenhum problema", completou.

Comentários