Gabigol é eleito Rei da América, mas Jesus perde entre os técnicos

Rubro-Negro dominou o pódio da premiação

Por IG - Esporte

Gabigol beija o troféu da Libertadores
Gabigol beija o troféu da Libertadores -
Autor dos dois gols do título do Flamengo na final da Libertadores diante do River Plate, o atacante Gabigol foi eleito o Rei da América, em tradicional premiação concedida pelo diário uruguaio El Pais.

E o Flamengo dominou o pódio, já que Bruno Henrique ficou na segunda posição, seguido pelo uruguaio Arrascaeta.

Foram 372 jornalistas votantes, sendo que Gabigol ficou com 168 votos (45% da preferência).

Entre os técnicos, o Flamengo não repetiu o sucesso. Marcelo Gallardo, do River Plate, superou o português Jorge Jesus no pleito e venceu a pela segunda vez seguida.

O comandante argentino recebeu 216 votos (58%), contra 133 de Jesus (36%). No total, apenas um técnico brasileiro foi lembrado: Tite, campeão da Copa América com a seleção brasileira, recebendo seis votos.

Confira a lista completa da eleição do Rei da América:

  1. Gabigol / (FLAMENGO/Brasil) / 168 votos (45%)
  2. Bruno Henrique / (FLAMENGO/Brasil) / 83 (22%)
  3. De Arrascaeta / (FLAMENGO/Uruguai) / 40 (11%)
  4. Ignacio Fernández / Argentina / 25 (8%)
  5. Enzo Pérez / Argentina / 21 (5%)
  6. Éverton / (GRÊMIO/Brasil) / 9 (2%)
  7. Roque Santa Cruz / Paraguai / 5 (1%)
  8. Nicolás De La Cruz / Uruguai / 4 (1%)
  9. Borré / Colômbia / 3 (1%)
  10. Dani Alves / (SÃO PAULO/Brasil) / 2 (0.5%) Soteldo / (SANTOS/Venezuela) / 2 (0.5%)
  11. Filipe Luis / (FLAMENGO/Brasil) / 1 (0.3%) Franco Armani / Argentina / 1 (0.3%) Carlos Vela / México / 1 (0.3%) Paolo Guerrero / (INTERNACIONAL/Peru) / 1 (0.3%) Jorge Pinos / Equador / 1 (0.3%) Germán Cano / Argentina) / 1 (0.3%) Rodolfo Pizarro / Argentina / 1 (0.3%) Juan F. Quintero / Colômbia / 1 (0.3%)
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários