Rodrigo Muniz  - Marcelo Cortes/CRF
Rodrigo Muniz Marcelo Cortes/CRF
Por Venê Casagrande
Rio - O atacante Rodrigo Muniz, destaque do Sub-20 do Flamengo e inscrito na Libertadores no elenco profissional, tem despertado interesse de clubes brasileiros. Além de Sport e Coritiba, como informou o Jornal O Dia em primeira mão, o Atlético-GO foi mais um time da Série A em manifestar vontade em ter o jogador de 19 anos.

Segundo apurou a reportagem, o presidente do Atlético-GO, Adson Batista, entrou em contato com Bruno Spindel, diretor executivo do Flamengo, para tentar a contratação de Rodrigo Muniz por empréstimo até o fim do Brasileirão 2020.

A resposta dada ao mandatário do Dragão é que a diretoria do Flamengo ainda estuda se de fato vai emprestar Rodrigo Muniz para ganhar rodagem ou se ficará no clube para, eventualmente, reforçar o elenco profissional.

Caso a escolha seja liberar Rodrigo Muniz para algum clube por empréstimo, o próximo passo será decidir qual clube. Neste momento, três estão na briga (Atlético-GO, Sport e Coritiba).

O Leão mantém esperanças e põe Jair Ventura para manter contato com o atacante quase que diariamente. O presidente Milton Bivar disse que o time nordestino não desistiu da jovem promessa e revelou que conversou com o presidente do Flamengo

"Queremos muito esse menino. Ele é goleador. Eu conversei com Landim (presidente do Flamengo) e ainda aguardo uma resposta.

Rodrigo Muniz é um dos principais jogadores do time Sub-20 do Flamengo e é tratado como joia desde quando chegou ao clube, em 2018, após se destacar pelo Desportivo Brasil. Com bom porte físico e apontaria afiada, Muniz ostenta ótimos números pelo Rubro-Negro carioca: em 72 jogos, entre Sub-17, Sub-18, Sub-20 e profissional, marcou 34 gols.

Neste ano, foi um dos destaques da edição de 2020 da Libertadores Sub-20. Fez quatro gols em quatro partidas,além de ser oartilheiro da categoria do Flamengo na temporada 2019 pelo Sub-20, com 28 gols, mesmo sendo nascido em 2001.