Estratégia de capitão pra vencer a crise no Fluminense

Herói contra o Sport, Fred supera novo atrito com as organizadas: ‘Estou acostumado com a pressão’

Por pedro.logato

Rio - Em sua sexta temporada no Fluminense, Fred superou com personalidade outra crise. Os dois gols na vitória de 4 a 0 sobre o Sport pesarão no processo de reconquista da paz com a exigente torcida. Abraçado pela maioria dos tricolores, o capitão reforçou seu poder de liderança e papel de protagonista. Fortalecido, ele se concentra em próximos desafios.

Fred teve grande atuação no domingoAlexandre Brum

“Sou a favor de blindar o grupo. Estou acostumado com a pressão, com a injustiça e com a cobrança, mas para alguns, principalmente para os mais jovens, pode ser prejudicial. Isso não me afeta. Então prefiro me expor. São cinco anos de casa, estou acostumado”, disse Fred.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Oitavo maior artilheiro da história do Flu, com 125 gols, o atacante se considera imune à pressão. Duas vezes campeão brasileiro, Fred também brigou duas vezes contra o rebaixamento nesse período. Em 2011, viveu o auge da crise com membros de uma organizada. Perseguido pelas ruas de Ipanema, cogitou deixar o clube, mas com títulos e gols, selou a paz. Portanto, conhece bem a receita para tranquilizar de vez o ambiente. “Fred é um grande líder, tem influência e importante para todos nós”, disse o técnico Cristóvão Borges.

Com o fim de jejum de vitórias no Brasileiro, o Fluminense desvia as atenções para a Sul-Americana. Para o confronto com o Goiás, na quinta-feira, Valencia e Edson, que se machucaram no domingo, ainda são dúvidas. Wagner voltou a treinar e pode ser opção na equipe que terá alguns titulares poupados. Em recuperação de uma gastroenterite, Diego Cavalieri foi poupado e sua escalação ainda é incerta. Motivado novamente, Fred não deve perder a chance de mostrar serviço contra o Goiás.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia