Fluminense leva gol no fim, mas vence o Goiás na estreia da Sul-Americana

Com vitória por 2 a 1, Tricolor se classifica na competição internacional com empate no Serra Dourada

Por pedro.logato

Rio - Na busca pelo título inédito, o Fluminense começou bem a sua participação na Sul-Americana, diante do Goiás, o Tricolor venceu por 2 a 1, no Maracanã. Na segunda etapa, o clube carioca foi bem pressionado ao atuar com um a menos durante mais de meia hora e acabou levando um gol no fim

As duas equipes voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira no Serra Dourada. Para avançar às oitavas de finais da competição, o Fluminense precisa de um empate. O Goiás se classifica com uma simples vitória por 1 a 0.

Fluminense derrotou o Goiás no MaracanãAndré Mourão

O JOGO

Jogando em casa, o Fluminense começou a partida buscando bem mais o jogo que a equipe do Goiás. Porém, o Tricolor tinha dificuldades para criar grandes oportunidades, pois pecava muito nos passes. A primeia boa chegada da equipe carioca aconteceu aos 20 minutos. Após bela tabela, Jean finalizou dentro da área, mas a bola acabou sendo bloqueada pela zaga goiana.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

Aos 28 minutos, os donos da casa sairam na frente. Conca fez bela jogada pela esquerda e cruzou, o volante Edson se antecipou aos zagueiros e ao goleiro Renan e tocou para o fundo das redes. Logo depois, o Goiás teve uma grande chance de empatar. Esquerdinha fez grande jogada passou pela zaga do Flu e finalizou no travessão, no rebote, Klever fez grande defesa. No lance seguinte, o Tricolor fez mais um. Sobis cobrou escanteio e de novo Edson subiu para cabecear para o fundo das redes.

FOTOGALERIA: Pela Sul-Americana, Fluminense vence Goiás no Maracanã

Com a desvantagem do placar, o Goiás tentou buscar mais o jogo. Ricardo Drubscky colocou Murilo Henrique no lugar de Moises. No seu primeiro lance, Murilo arriscou bom chute de fora da área e Klever defendeu. Depois, após cruzamento da direita, Erik, quase dentro do gol, chutou a bola no travessão, que mais uma vez salvou o Tricolor. Nos últimos minutos da primeira etapa, o clube esmeraldino se mateve melhor a partida, mas a vantagem tricolor foi mantida para o intervalo.

Cícero comemora gol com EdsonAndré Mourão

O Fluminense voltou para o segundo tempo da mesma maneira como terminou a primeira etapa: bastante recuado. Aos 13 minutos, Erik foi lançado, driblou Klever, que fora da área derrubou o jogador. Por conta do lance, o goleiro tricolor foi expulso. Cristóvão tirou Sobis para colocar Felipe, terceiro arqueiro do clube das Laranjeiras. Na cobrança, a falta ficou na barreira, após chute de David.

Com o passar do tempo, o clube carioca recuou ainda mais. Henrique entrou no lugar Fred, e o Goiás foi chamado para a defesa. A equipe esmeraldina tocava a bola, mas tinha dificuldade de entrar na área tricolor. Felipe fez uma boa defesa nos últimos minutos, evitando um gol dos visitantes, após bela cabeçada. Porém, no fim, o time goiano conseguiu um gol. Após falha de marcação no lado direito do Flu, Erik completou cruzamento e diminuiu a vantagem tricolor.

FICHA TÉCNICA

FLUMINENSE 2 X 1 GOIÁS

Estádio: Maracanã
Arbitragem: Enrique Caceres (PAR)
Cartões Amarelos: Esquerdinha (GOI), Thiago Mendes (GOI),  Marlon (FLU)
Cartões Vermelhos: Klever (FLU)
Gols: Edson (FLU) - dois, Erik (GOI)

FLUMINENSE: Bruno, Marlon, Elivelton e Chiquinho; Edson, Jean, Cícero (Intervalo - Wagner) e Conca; Rafael Sobis (15' do 2ºT - Felipe) e Fred (26' do 2ºT - Henrique)
Técnico: Cristóvão Borges

GOIÁS: Renan, Moises (35' do 2ºT - Murilo Henrique), Jackson, Felipe e Valmir Lucas; Léo Veloso (18' do 2ºT - Assuério), Thiago Mendes, Tiago Real (30' do 2Tº- Lima) e David; Esquerdinha e Erik
Técnico: Ricardo Drubscky

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia