Fred, o verdadeiro carrasco tricolor

Contra clubes da Série A, camisa 9 do Fluminense já fez 72 gols. Apenas três foram poupados de sua fúria

Por pedro.logato

Rio - Atenção torcedores dos clubes da Série A: se Fred ainda não te pegou, tem boas chances de te pegar. O recorde de 107 gols do atacante — atingido com os dois feitos no Fla-Flu de domingo — não só o consagra como o maior artilheiro da era dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro, como, também, como o carrasco de 16 equipes que estão na elite do nosso futebol. O camisa 9 só poupou, até agora, Santos, Chapecoense e Joinville de sua afiada pontaria.

Marca de Fred é impressionanteBruno de Lima

Com a camisa 9 do Fluminense, Fred, que na lista dos principais artilheiros do Brasileirão unificado (de 1967 até hoje) já ultrapassou até mesmo o Rei Pelé, fez 72 gols contra os adversários da Série A deste ano. Quem mais penou com o atacante foi o Palmeiras: em oito jogos, sofreu sete gols. No geral, porém, é o Botafogo a vítima predileta: 13 gols em 18 jogos. Mas este ano os alvinegros não devem ser mais castigados, já que disputam a Série B. Existe apenas uma chance de os times se encontrarem, na Copa do Brasil.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

CARRASCO EM BRASILEIROS

Em seguida aparecem Cruzeiro (justamente o clube que o revelou profissionalmente) e os arquirrivais Flamengo e Vasco, com seis gols sofridos, cada. Contra os rubro-negros, uma curiosidade: todos os gols foram marcados em jogos válidos pelo Campeonato Brasileiro.

De Norte a Sul, Fred não poupa ninguém. Seja time grande ou de menor investimento, faz questão de deixar a sua marca. No geral, ele é o sétimo artilheiro da história do Fluminense, com 153 gols — três o separam de Russo (1933-1944) — marcados contra 52 adversários.

E se houver mais algum recorde a ser batido, os torcedores adversários — que tentam provocá-lo chamando-o de cone — podem se preocupar. Afinal, como canta a torcida tricolor, ‘O Fred vai te pegar’.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia