Marcelo Oliveira admite falta de competência do Fluminense: 'Não fomos felizes'

Comandante do Tricolor avalia partida de forma positiva, mas afirma não estar satisfeito com resultado

Por O Dia

Rio de Janeiro, 06/09/2018. O técnico Marcelo Oliveira durante a partida entre Fluminense x Vitória no Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã), válida pela 23ª Rodada do Campeonato Brasileiro. Foto - Mailson Santana / Fluminense F.C.
Rio de Janeiro, 06/09/2018. O técnico Marcelo Oliveira durante a partida entre Fluminense x Vitória no Estádio Jornalista Mário Filho (Maracanã), válida pela 23ª Rodada do Campeonato Brasileiro. Foto - Mailson Santana / Fluminense F.C. -

Rio - O Fluminense enfrentou o Vitória nesta quinta-feira no Maracanã e chega ao seu terceiro jogo consecutivo sem alcançar a vitória. No empate em 0 a 0, os jogadores saíram vaiados de campo e o treinador Marcelo Oliveira afirmou, em entrevista coletiva após a partida, que faltou competência para balançar as redes.

"Tem de analisar os diversos ângulos. Na Copa, teve jogo ruim. Nós temos qualidades e dificuldades de vários aspectos. O jogo de hoje... se a gente tivesse feito um gol e tivemos chances, teria sido bom. Apertamos o adversário, jogamos pelos lados. Criamos, cruzamos, jogamos por dentro. Mas o gol é a essência do jogo. O gol teria modificado o panorama pois o Vitória iria sair. E aí o jogo seria mais técnico. Não fomos felizes e talvez competentes para marcar o gol", contou o treinador.

Contudo, Marcelo Oliveira se mostrou satisfeito com o rendimento do ataque do Tricolor. Segundo o comandante, só faltaram os gols para se tornar uma ótima partida. Para ele, o atacante em destaque no jogo foi Luciano.

"É um atacante que pode jogar como jogou. Tem chute, lançamento. Chegou sem jogar, logo teve lesão. Nesta nova fase e fazendo bons treinos, foi escalado. Imaginamos que o Vitória iria atuar bem fechado. Usamos o Luciano para armar, tendo o chute. E os dois atacantes pelo lado para atacarmos. Atacamos mais pelo lado direito, com a boa atuação do Léo. Perdemos oportunidade de pontuar em casa. Estou satisfeito com o rendimento, mas não com o resultado", confessou.

O atacante Pedro está lesionado e não participou da partida. Para Oliveira, o craque fez falta, mas é preciso confiar o posto a outros jogadores.

"Os gols contra eram jogadas nossas que o adversário colocou para dentro. O Pedro vivia grande fase e não por acaso foi para a Seleção e era o artilheiro do campeonato. Faz falta. Agora, como técnico, tenho que valorizar quem entra. Eu confio no Kayke, no Júnior Dutra e no Pablo. Kayke não pode atuar na Sul-Americana, então, teremos de criar nova situação", afirmou Marcelo Oliveira.

O Tricolor volta a entrar em campo no próximo domingo para enfrentar o Botafogo.