Conca confirma que Sheik cantou música citando o Flamengo e defende: 'Não fez por maldade'

Argentino relembrou momento de afastamento do jogador

Por O Dia

Conca saiu em defensa de Sheik
Conca saiu em defensa de Sheik -

Rio - Principal jogador do Fluminense no título do Brasileirão de 2010, Dario Conca teve uma passagem marcante pelo clube das Laranjeiras e lá dividiu espaço com outros grandes nomes como Emerson Sheik e Fred. O atacante, que marcou o gol do título na competição, foi afastado no ano seguinte por cantar uma música que citava o Flamengo. Conca revelou que o fato aconteceu, mas defendeu o ex-companheiro.

"Teve a música, Sheik reconheceu que cantou. Eu estava lá atrás, sempre tem música, é normal. Naquele momento, a música era do Flamengo. Tinha muita gente no ônibus, o time não tava bem na Libertadores, depois, lamentavelmente, a diretoria decidiu afastar o Sheik. Eu, de coração, não (achei certo). A música existe, mas ele não foi na maldade, ele cantou como canta todas outras músicas. Senão daqui a pouco não pode usar um casaco da cor de outro time. Fala com ele, tenta não cantar, é errado", afirmou Conca, em entrevista ao "Aqui com o Benja".

O argentino deixou o Fluminense em 2011 para jogar no futebol chinês. Em 2014, ele retornou ao clube carioca, mas não conquistou outros títulos. Conca ainda defendeu o Flamengo no ano passado.