Com proposta, Luciano pede para não ser relacionado e pode sair do Fluminense

Atacante está insatisfeito com salários atrasados e desfalcará o time contra a Chapecoense

Por O Dia

Luciano não enfrentará a Chapecoense
Luciano não enfrentará a Chapecoense -
Rio - Artilheiro do Fluminense na temporada, com 15 gols, Luciano tem grandes chances de ir embora. Em conversa com o técnico Fernando Diniz e com o diretor de futebol, Paulo Angioni, o atacante revelou estar com uma proposta de outro clube e pediu para não ser relacionado para o jogo desta quinta-feira contra a Chapecoense.
Com seis partidas disputadas no Brasileiro, Luciano está no limite para se transferir para outro clube de Série A. Caso jogasse contra a Chapecoense, ele seria impedido e só teria o exterior como destino. O atacante é um dos que mais tem mostrado descontentamento com os atrasos salariais e gostaria de sair.
A diretoria do Fluminense acatou o pedido. A ideia é conversar com o jogador nos próximos dias para definir o seu futuro, que possivelmente será em outro lugar. O novo presidente, Mário Bittencourt, e seu vice, Celso Barros, ainda não tiveram tempo suficiente para tratar da situação, mas pretendem fazer isso ainda esta semana.
A assessoria de imprensa do Fluminense confirmou em nota: "O atacante Luciano procurou a diretoria de futebol no treino da manhã desta terça-feira e pediu para não ser relacionado, por ter recebido proposta de outro clube. Em comum acordo, o atleta e o departamento de futebol decidiram que o mesmo ficará fora da partida diante de Chapecoense e que farão reunião antes do período de paralisação antes da Copa América".

Comentários