Pedro quebra o silêncio

Na mira do Fla, atacante descarta rescisão com o Flu na Justiça

Por O Dia

Diante de muitas especulações sobre o seu futuro, o atacante Pedro resolveu abrir o jogo sobre o interesse do Flamengo. Em texto publicado no 'Instagram', o camisa 9 confirmou que quis ouvir a proposta do rival, mas garantiu estar focado no Fluminense e que, apesar dos atrasos salariais, nunca cogitou forçar uma rescisão na Justiça.

"Estou ciente do momento financeiro do clube. Das trocas internas. Aproveito e ressalto que em momento algum pensei na possibilidade de uma rescisão unilateral ou qualquer processo jurídico", escreveu o artilheiro.

"A educação dada pela minha família tem como base a gratidão com as pessoas que me ajudaram a construir grandes momentos no Fluminense, clube ao qual sempre serei grato", acrescentou o jogador, que não nega a possibilidade de defender o Rubro-Negro.

"Sobre ouvir e querer conhecer qualquer projeto, é uma atitude natural de qualquer profissional. Ouvir não quer dizer sair. Que fique bem claro", disse Pedro, que só pode atuar mais uma vez pelo Tricolor no Brasileiro se quiser jogar a competição por outra equipe. Irredutível, o Fluminense só aceita liberá-lo pelo valor da multa rescisória: 50 milhões de euros (R$ 214 milhões) para clubes do exterior, e um pouco menos para brasileiros.

Ontem, o Fluminense venceu por 3 a 1 a Portuguesa em jogo-treino no CT da Barra, com mais um show do garoto Miguel, de apenas 16 anos, que marcou dois gols, repetindo o que havia feito contra o Grêmio Osasco, quarta-feira. Ganso completou o placar.

Comentários