Um passo para trás com a torcida antes do clássico

Após derrota para o Athletico-PR, Flu fica pressionado para jogo com Fla pelo Brasileiro

Por O Dia

Ganso chegou por cima, mas já não é mais unanimidade no Tricolor
Ganso chegou por cima, mas já não é mais unanimidade no Tricolor -

A boa fase com as cinco partidas sem perder criou uma expectativa nos tricolores, mas a derrota de virada por 2 a 1 para o Athletico-PR, em casa, os trouxe de volta à realidade. A sensação é que o Fluminense deu passos para trás antes do clássico diante do Flamengo, amanhã: voltou a ficar a apenas três pontos da zona de rebaixamento do Brasileiro e novamente pressionado pela torcida, que outra vez vaiou jogadores, em especial, Ganso e João Pedro.

A situação ainda está controlada — o risco de queda é de 18%, segundo o site Infobola —, mas o sinal de alerta foi ligado. Afinal, o Fluminense terá um jogo muito difícil, contra o líder do Brasileiro. O que mais tem incomodado é a pouca paciência da torcida no melhor momento do time no campeonato.

Com expectativa elevada após a boa sequência, os tricolores perderam a paciência após o gol da virada do Furacão. Sobrou para Ganso, que havia conseguido uma trégua após a discussão com Oswaldo de Oliveira e a boa sequência tricolor.

Apesar do bom primeiro tempo, o meia caiu de rendimento junto à equipe após o intervalo. E virou novamente o principal alvo, justamente por não fazer o que a torcida tanto cobra dele, mesmo sem ser suas características: correr mais na marcação e ser mais decisivo no ataque. 

Ganso não é o único nessa situação. João Pedro é outro que vem sofrendo marcação pesada da torcida, também pela expectativa criada em relação a ele, principalmente por causa dos seus primeiros jogos, quando fez oito gols. Agora, são nove sem marcar, seu pior jejum no Fluminense.

"Nossa equipe jogou dentro de casa e o resultado não apareceu. Vamos ser cobrados. Vamos fazer o que for possível para recuperar todos mentalmente", disse Marcão.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários