Vasco atropela o CSA em Maceió e praticamente se livra do rebaixamento

Gigante da Colina agora terá pela frente o clássico contra Flamengo

Por O Dia

O zagueiro Oswaldo Henríquez corre para festejar o segundo gol do Vasco: atuação segura em Maceió
O zagueiro Oswaldo Henríquez corre para festejar o segundo gol do Vasco: atuação segura em Maceió -
Maceió - Valente e muito organizado, o Vasco foi ao Estádio Rei Pelé, em Alagoas, e não tomou conhecimento do frágil CSA: goleada por 3 a 0 e praticamente assegurada a sua permanência na Série A para a temporada de 2020. Raul, Oswaldo Henríquez e Carlinhos, contra, marcaram os gols do Gigante da Colina, que na próxima quarta-feira, no Maracanã, terá pela frente o clássico com o Flamengo, partida antecipada da 34ª rodada em função da final da Libertadores, dia 23, em Lima, no Peru.

Agora com 42 pontos e na 11ª colocação, o Vasco precisa de apenas mais dois pontos para eliminar matematicamente qualquer risco de queda.

Com os donos da casa afundados dentro do Z-4, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo teve muita dificuldade para seguraras descidas dos alagoanos pelas duas laterais. No entanto, ao mesmo tempo, Rossi e Ribamar desperdiçaram duas boas oportunidades. O Gigante da Colina só não saiu logo em vantagem porque o goleiro João Carlos defendeu uma falta muito bem cobrada por Felipe Ferreira.

Mas, aos 25 minutos, o volante Raul começou a resolver a parada com um golaço em bela jogada individual. Daí em diante, com o CSA desesperado, o Vasco se comportou melhor. Na etapa complementar, Rossi e Richard pararam em duas excelentes defesas de João Carlos. Mas o goleiro não teve o que fazer aos 21, quando Oswaldo Henríquez, de cabeça, ampliou.

Atordoado, o CSA ainda deu aquela mãozinha ao time da Colina. Aos 35,Rossi cruzourasteiro, Raul tocou para o meio e, na tentativa de evitar o gol, o lateral-esquerdo Carlinhos marcou contra. Com a partida resolvida, a torcida do Vasco passou a gritar 'Olé!' e saudar ao técnico Vanderlei Luxemburgo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia