Carlos Leão aceita convite e assume como novo VP de finanças do Vasco

Antigo VP alegou divergências financeiras com o mandatário após renunciar ao cargo

Por Lance

Carlos Leão aceita convite e assume como novo VP de finanças do Vasco
Carlos Leão aceita convite e assume como novo VP de finanças do Vasco -
Rio - Carlos Leão será o novo vice-presidente de finanças do Vasco. Ele aceitou o convite feito pelo presidente Alexandre Campello no final do mês passado e substituirá João Marcos Amorim na pasta, vaga desde 10 de janeiro. O antigo VP alegou divergências financeiras com o mandatário após renunciar ao cargo. A informação foi dada inicialmente pelo "Globo Esporte" e confirmada pelo LANCE!.

Leão, de 49 anos, é o presidente do grupo político "Cruzada Vascaína" e se manteve fiel a Campello mesmo depois da saída em massa recente de dirigentes. O conselheiro já havia sido nomeado PMO (Project Management Office) do novo centro de treinamento do Vasco, que está sendo construído em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Nessa função, ele é encarregado de organizar, executar e divulgar as ações de captação de recursos. Pedro Seixas, vice-presidente de patrimônio, é quem comanda o projeto.
No último sábado, após o empate com o Resende no Raulino de Oliveira, Leão discutiu com torcedores. Ele afirmou ter sido ofendido de forma mais acintosa e respondeu de forma a deixar o clima quente. No dia seguinte, o dirigente afirmou que a conversa com áspera se deu somente com uma pessoa presente na arquibancada.

O preenchimento desta vaga é uma obrigação do estatuto do Vasco. A saída de Amorim, quase junto a Adriano Mendes, ex-vice-presidente de controladoria, tem a ver, também, com discordâncias financeiras com Alexandre Campello. A principal delas com relação à folha salarial do elenco. O presidente defendia a manutenção em R$ 4,2 milhões, enquanto o ex-vice queria a redução.

Comentários