Com fratura no dedo da mão direita, Guarín pode ser poupado por desgaste

Em evolução, colombiano fez o primeiro jogo como titular na quinta-feira e comissão técnica avalia o caso

Por O Dia

Guarín feliz com camisa do Vasco: tatuagem no braço esquerdo (detalhe)
Guarín feliz com camisa do Vasco: tatuagem no braço esquerdo (detalhe) -
Rio - No dia seguinte à classificação para a terceira fase da Copa do Brasil, após a vitória por 1 a 0 sobre o ABC-RN, o Vasco confirmou que Guarín sofreu uma fratura em um dedo da mão direita. No entanto, não é a lesão que pode tirá-lo do confronto com o Resende, neste domingo, em Volta Redonda. Com uma proteção no local, o colombiano está liberado para treinar e jogar, mas a comissão técnica avalia a possibilidade de poupá-lo.
Apesar da evolução física, o colombiano se desgastou muito no duelo com o ABC-RN e foi substituído aos 25 minutos do segundo tempo por conta da suspeita de fratura, confirmada no exame realizado nesta sexta-feira. Em campo, o volante foi um das peças mais ativas do Vasco, com presença constante no ataque.
Caso Abel Braga decida preservá-lo, Marcos Júnior é o favorito para ganhar a posição amanhã. Concorrentes, Bruno Gomes e Willian Maranhão chamaram a atenção de Abelão negativamente. No treino de ontem, no CT do Almirante, a dupla tentou trocar socos depois de um desentendimento. O episódio rendeu 'cartão vermelho' para os volantes na atividade.

Comentários