Ídolo do Vasco e ex-jogador da seleção brasileira sofre parada cardíaca e morre

Ex-meia chegou a ser levado ao hospital, mas não resistiu

Por O Dia

Luto
Luto -
Rio - Luto no Vasco. O ex-jogador Écio Capovilla, ídolo da equipe carioca, morreu na noite da última segunda-feira aos 83 anos. Ele sofreu uma parada cardíaca, chegou a ser levado para o Hospital Galileo, em Valinhos, em São Paulo, mas não resistiu. O velório está previsto para as 12h, enquanto o sepultamento acontecerá às 13h no Cemitério João Batista, na cidade paulista.
O ex-jogador fez parte do meio-campo do Vasco durante os anos de 1956 e 1964. Pelo Cruzmaltino, Écio conquistou o Supercampeonato Carioca de 1958 e também foi campeão do Torneio Rio-São Paulo no mesmo ano.

O ex-jogador também defendeu a seleção brasileira em 1960, quando foi convocado para disputar alguns torneios sul-americanos. Ele também jogou dois anos no Sporting Cristal de Lima, do Peru, até encerrar a carreira em 1966.

Galeria de Fotos

Luto Reprodução
Écio Capovilla Reprodução

Comentários