Com futebol de qualidade, Benítez caiu nas graças da torcida  - Divulgação
Com futebol de qualidade, Benítez caiu nas graças da torcida Divulgação
Por O Dia
Publicado 04/11/2020 15:17 | Atualizado 04/11/2020 15:21
Rio - O Vasco conseguiu concluir o acordo por Benítez junto ao Independiente. Em reunião realizada através de videoconferência na manhã desta quarta-feira, o presidente Alexandre Campello acertou os últimos detalhes com os dirigentes argentinos. Mas a negociação ainda não está concluída.
Os valores e a forma de pagamentos já estão definidos, mas o Vasco pediu um prazo, de aproximadamente duas semanas, para conseguir os recursos. Uma campanha com os torcedores para manter o camisa 10 é estudada pela diretoria, tendo em vista que não tem dinheiro em caixa para um investimento em alta. Os patrocinadores também serão procurados para ajudar na compra.
Publicidade
"Avançou bastante, estamos alinhados. Temos um prazo de cerca de 15 dias para colocar de pé a operação e as exigências, como garantias e recursos. Chegamos a um acordo em relação a números e forma de pagamento", disso o presidente Campello ao site "ge.com".

"Estamos tentando viabilizar os recursos com nossos parceiros, através do marketing, e com a própria torcida. A ideia é envolver os patrocinadores e a torcida. Esse é o nosso projeto", completou o Alexandre Campello.
O dirigente vascaíno não revelou os valores da negociação. O diretor esportivo do Independiente, Jorge Damiani, disse ao site "ge.com', na semana passada, que a oferta é de US$ 4 milhões (R$ 22 milhões) por 60% do camisa 10. A primeira parcela US$ 2,5 milhões (pouco mais de R$ 14 milhões) seria paga nesse ano. O restante seria quitado em 2021, em duas parcelas.