Após duas derrotas e um empate, Ricardo Sá Pinto celebrou a primeira vitória no Brasileiro - Daniel Castelo Branco
Após duas derrotas e um empate, Ricardo Sá Pinto celebrou a primeira vitória no BrasileiroDaniel Castelo Branco
Por O Dia
Recife - A vitória sobre o Sport, por 2 a 0, neste sábado, na Ilha do Retiro, marcou a derrubada de uma série de tabus no Vasco. Há nove rodadas sem vencer, o Cruzmaltino sofria com a seca de gols de Germán Cano, que não balançava as redes há dois meses. Com os dois gols marcados no Recife, o atacante encerrou o duplo jejum e garantiu a primeira vitória de Ricardo Sá Pinto no Campeonato Brasileiro, após duas derrotas e um empate.
"Vitória de todos nós. Este Brasileirão é muito competitivo, todos jogos serão difíceis. Ganhamos bem hoje, mas o adversário tem valor e pode criar problemas. Não conseguimos ser perfeitos, mas conseguimos ser suficientemente bons para vencermos. Então muitos parabéns à equipe e aos jogadores que estiveram de fora", destacou Sá Pinto.
Publicidade
Com os três pontos, a equipe deixou o Z-4, pulando para o 15º lugar, com 22 pontos. O técnico português não disfarçou a satisfação pelo importante resultado conquistado fora de casa e exaltou o comprometimento do grupo ao lango da rara semana livre que teve para trabalhar no CT do Almirante. Com uma atuação segura, a equipe deixou uma boa impressão na abertura do returno.
 
Publicidade
"Foi importante ganhar, mas mais importante é aquilo que digo. É saber por que se ganha e por que não se ganha. Nossa semana de trabalho, costumo consolidar o que temos de bom e melhoro o que temos de melhorar nos momentos do jogo. Vamos evoluindo. Agora, não é fácil passar uma ideia de jogo em três semanas. Minha ideia era fazer os jogadores ficarem confortáveis nas posições", avaliou Sá Pinto.