Por pedro.logato

Rio - Além de declarar o voto em Julio Brant, Edmundo também aproveitou para fazer total oposição a candidatura de Eurico Miranda. Ex-jogador do clube nos tempos em que o o atual candidato era presidente, o Animal afirmou que vários ex-atletas daquela época mostram rejeição ao possível retorno do ex-mandatário.

Edmundo vota e é observado por EuricoAndré Mourão

"É muito simples, eu, Juninho, Felipe e Pedrinho fomos jogadores na época do Eurico. Se a gente não quer ele, e porque não concordamos sobre a maneira e a forma de gestão dele. Só que eu vim para falar do Julio, porque acredito nas propostas dele. Peço aos torcedores para que venham ate às 22h para ajudar a gente a vencer o Eurico", desabafou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

Vitória de Eurico

Seis anos após deixar a presidência do Vasco, Eurico Miranda está muito próximo de retornar ao cargo mais alto do clube carioca. Na eleição com mais votos da história do clube, a sua chapa "Volta Vasco, Volta Eurico" foi eleita para o triênio de 2015-2017. O triunfo foi confirmado antes mesmo da apuração da última urna, tamanha foi a vantagem do ex-presidente. Porém, a maiorida dos 5.592 votos do pleito não garantiram ainda a Eurico a vitória confirmada como novo mandatário do clube. No Gigante, a eleição é indireta. A chapa vencedora terá 20 vagas no Conselho Deliberativo, que, por sua vez, indicará o presidente e o vice. O segundo colocado escolherá 30 conselheiros. Somados aos 150 membros natos, a nova gestão do Vasco será proclamada apenas no dia 19, em sessão na sede náutica da Lagoa.

Você pode gostar