Vasco joga mal e perde por 2 a 0 para o Ceará neste sábado no Castelão

Equipe carioca perde a chance de ficar mais próxima da vaga à Série A do Brasileiro

Por jessica.rocha

Ceará - Precisando de uma vitória para embalar no campeonato e se aproximar ainda mais da elite do futebol, o Vasco acabou derrotado por 2 a 0 neste sábado para o Ceará, em Fortaleza, pela Série B. O time cruzmaltino pouco produziu na partida e viu o Vozão tomar conta do jogo com o incentivo da torcida cearense, que lotou o Castelão. Diego Ivo e Ricardinho foram os autores dos gols que garantiram os três pontos aos donos da casa.

Joel Santana não gostou nada da atuação do Vasco no CastelãoDivulgação

Mesmo com a derrota, o Vasco permaneceu na 3° posição da tabela da Série B, com 59 pontos. Já o Ceará sobe para o G-4 na 4°, com 54. O próximo confronto do clube da colina será contra o Vila Nova na terça, às 21h50, em São Januário. E o Ceará enfrenta o ABC, no mesmo dia, às 21h50, na Arena Dunas, no Rio Grande do Norte.

O jogo:

O Vasco entrava em campo em busca da vitória para ficar muito próximo do acesso à elite do Campeonato Brasileiro, mas não foi o que demonstrou ao longo da partida. Com dificuldades nos minutos iniciais, as duas equipes mostravam equilíbrio e, sem muitas chances a gol, faziam um jogo morno no Castelão.

Devido ao forte calor em Fortaleza, houve uma parada técnica. Minutos depois da volta dos times ao gramado, foi a vez de o Ceará partir para cima. Aos 30 minutos, após cruzamento na área, a bola sobrou para Diego Ivo, que balançou a rede cruzmaltina. 1 a 0 Vozão.

Logo depois, o Vasco sentiu o gol adversário e aos 36 viu a equipe cearense ampliar vantagem. Ricardinho cobrou falta direto sem tempo de defesa para o goleiro Martín Silva. 2 a 0 e festa da torcida do Ceará, que não se calou nem um minuto no estádio.

A volta ao segundo tempo não rendeu bons frutos ao Vasco, o time carioca retornou ao jogo sem muito produzir. Em contrapartida, aos 16 minutos, quase viu o terceiro do Vozão em uma cavadinha mal-sucedida de Ricardinho. Aos 24, em um contra-ataque, Magno Alves levou perigo ao gol cruzmaltino. As chances mais claras da segunda etapa vinham da equipe cearense.

Sem muitas oportunidades, o clube carioca viu o Ceará administrar o resultado do jogo. Ao som de "olé" vindo das arquibancadas, os minutos finais da partidas foram de pressão cearense. Por fim, o cruzmaltino engoliu a seco a derrota no Castelão, perdendo chance de ficar a um passo da Série A 2015.

FICHA TÉCNICA

VASCO 0X2 CEARÁ

Estádio: Castelão
Árbitro: Fabricio Neves Corrêa (RS)
Gols: Diego Ivo (Ceará, aos 31' do 1ºT); Ricardinho (Ceará, aos 36' do 1ºT)
Cartão amarelo: Diego Renan, Aranda (Vasco); Sandro (Ceará)
Cartão vermelho: -

VASCO: Martín Silva; Luan, Rodrigo e Anderson Salles (Rafael Silva, no intervalo); Carlos Cesar, Aranda, Guiñazu, Douglas (Edmílson, aos 26' do 2ºT), Maxí Rodriguez (Montoya, aos 26' do 2ºT) e Diego Renan; Kléber; Técnico: Joel Santana

CEARÁ: Luis Carlos; Samuel Xavier, Sandro, Diego Ivo e Vicente; Michel (Evérton, aos 46' do 2ºT), João Marcos, Ricardinho e Assisinho (Felipe Amorim, aos 34 do 2ºT); Magno Alves e Bill (Lulinha, aos 19' do 2ºT); Técnico: PC Gusmão

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia