Mais Lidas

Euriquinho acusa ídolo de incentivar jogadores do Vasco a não ganharem jogos

Vice de futebol cruzmaltino chamou situação de "desumana"

Por gabriel.santos

Rio - Em clima de eleição, o Vasco vive momentos quentes em relação à política interna do clube. As confusões chegam a afetar até mesmo ídolos cruzmaltinos, como é o caso de Felipe, que foi acusado por Eurico Brandão, o Euriquinho, de aliciar atletas e desmotivá-los a ganhar partidas.

Euriquinho falou sobre a situação do elencoPaulo Fernandes/Vasco.com.br/Divulgação

Em coletiva de imprensa no estádio de São Januário, o vice de futebol do Vasco desabafou sobre uma série de situações que o clube vem vivendo nos últimos meses e deu nome àquele que tenta desestabilizar o ambiente cruzmaltino, em sua visão.

"Não há clube que resista. Ex-atleta que liga para os jogadores para boicotar, colocar todos contra todos dentro do clube. Incentiva a não ganharem os jogos. Os atletas foram leais nos dizendo o que houve. Não sabemos detalhes do que foi dito, mas sabemos que foi para jogar uma pressão, colocar um contra o outro. Como o clube sobrevive a isso? O que acontece aqui é coisa de outro mundo. No futebol acabamos sabendo de tudo. Muitos atletas receberam ligações, outros se reuniram. Os que estavam vindo receberam ligações para não virem. O ex-atleta que fez isso é o Felipe."

Felipe é, declaradamente, um apoiador da chapa de Júlio Brant, oposição ao atual presidente Eurico Miranda. Para Euriquinho, o clube poderia ter tido mais sucesso no ano, se não tivesse que lidar com problemas dessa magnitude.

"Felizmente conseguimos resistir bem e estamos há oito jogos invictos. Mas é desumano. Acho que teríamos mais sucesso se não precisávamos dispor de tanta energia para controlar essas situações. Tivemos uma campanha satisfatória, por isso agradecemos aos atletas, ao Anderson (Barros). O que se gasta de energia para blindar, tira de outras. Passei três meses de muito sofrimento."

A eleição para a presidência do Vasco acontece nesta terça-feira e está programada para começar às 8h. O clube tem mais de dez mil sócios aptos a votar em Eurico Miranda, Júlio Brant e Fernando Horta.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia