Natal Solidário da ACIM distribui presentes para 115 crianças de Macaé

Evento marcou o encerramento das atividades sociais promovidas pela Associação Comercial e Industrial de Macaé ao longo de 2019

Por O Dia

Papai Noel entregou os presentes para as crianças que participaram do Natal Solidário
Papai Noel entregou os presentes para as crianças que participaram do Natal Solidário -
Macaé - Uma das principais tradições do calendário de eventos da Associação Comercial e Industrial de Macaé, o Natal Solidário ACIM realizou na sexta-feira (13) a entrega de presentes para 115 crianças que escreveram as cartinhas para o Papai Noel.

O evento, realizado no auditório da Associação, marcou também o encerramento das atividades sociais promovidas pela ACIM ao longo de 2019. Com a distribuição de doces e balões, a festa teve como ponto central a participação do presidente, Francisco Navega, devidamente vestido como o personagem que simboliza a esperança e a pureza das crianças nesta época do ano.

“É preciso agradecer a todos os diretores, associados, aos nosso funcionários e todas as pessoas que contribuíram com o Natal Solidário. Sem dúvidas, esse evento demonstra a força da união fraterna que move todas as nossas ações na ACIM”, afirmou Navega.

Os presentes entregues as crianças foram doados por associados da ACIM que juntos proporcionaram um momento de diversão e de emoção para as famílias que terão, neste Natal, uma noite mais feliz.

Além de brinquedos, roupas e material escolar, pedidos como doações de cestas-básicas também foram contemplados.

Na próxima semana, a ACIM entrará em contato com as famílias das crianças que tiveram as cartinhas adotadas por associados, mas que não participaram do evento desta sexta-feira.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários