Maior ídolo do Macaé, Gedeil fala da oportunidade de jogar o Carioca aos 36 anos

Volante chegou a anunciar a aposentadoria, mas foi convencido pelo filho a retornar aos gramados

Por José Eduardo Silva

Voltante acredita que o Macaé possa surpreender os adversários no Campeonato Carioca
Voltante acredita que o Macaé possa surpreender os adversários no Campeonato Carioca -
Macaé - Símbolo da raça alvianil, o volante Gedeil é um dos maiores ídolos da história recente do Macaé Esporte. Aos 36 anos, ele é o jogador que mais vezes vestiu a camisa do clube, além de ser o capitão que ergueu a taça de campeão Brasileiro da Série C em 2014, título de maior expressão do clube Norte Fluminense.

Em entrevista exclusiva ao Portal O Dia, Gedeil falou da expectativa da estreia no Campeonato Carioca diante do Flamengo, neste sábado (18), às 16h, no Maracanã.

“Independente de quem vai estar em campo vamos enfrentar o Flamengo. Só a motivação de você ter voltado para a primeira divisão, jogar no Maracanã, isso já ajuda nos treinamentos, no dia-a-dia do trabalho. Queremos fazer um bom jogo, pois sabemos que se a gente conseguir pontuar contra o Flamengo vai nos dar muita credibilidade durante o campeonato”, disse.

O Macaé Esporte precisou passar pela Seletiva para buscar a classificação para fase principal da competição. Gedeil foi o autor do gol da classificação, no empate em 2 a 2 com a Portuguesa. Quando poucos acreditavam, o Macaé mostrou força e superou os obstáculos para garantir a vaga na fase principal.

“Esse retorno do Macaé para primeira divisão foi muito importante para o clube, jogadores e diretoria. Nos últimos anos o Macaé se mostrou um time de tradição no futebol carioca e no ano passado ficamos de fora da fase principal. Esperamos fazer um bom campeonato, pois sabemos da importância do clube para a cidade”.

Perguntado sobre o objetivo do Macaé na competição, o volante foi enfático: “Muito difícil fazer qualquer prognóstico no início do campeonato, pois não sabemos como estão jogando as demais equipes. Todo time pequeno que entra no Carioca busca se manter na elite. Com o decorrer dos jogos a gente vai buscando aquilo que está ao nosso alcance. Uma classificação para Série D do Brasileiro, semifinal de turno. O meio do campeonato é que vai mostrar o nosso real objetivo”.
Gedeil é o jogador que mais vezes vestiu a camisa do Macaé na história do clube - Vanderlei Corrêa/Divulgação Macaé Esporte


Com o Estádio Moacyrzão interditado, o time terá que jogar fora de seus domínios. Muito provavelmente vai mandar seus jogos no Estádio Ferreirão, em Cardoso Moreira. O volante acredita que isso possa prejudicar um pouco por jogar longe do seu torcedor.

“Todo o time que não tem casa sai um pouco prejudicado. Sabemos que o estádio foi interditado devido a um fenômeno da natureza, mas agora vamos ter que jogar longe da nossa torcida. O Macaé sempre foi forte jogando dentro de casa com o apoio de sua torcida”, comentou o camisa 5.

Em sua terceira passagem pelo Macaé, Gedeil no início de 2017 chegou anunciar o fim da carreira profissional. Mas no fim do ano passado bastou uma ligação e um pedido especial do filho para os planos mudarem.

“O meu filho fez eu mudar de ideia. O presidente do clube, Mirinho, me ligou perguntando se eu queria retornar ao Macaé. Falei com a minha esposa sobre a possibilidade de voltar a jogar e o meu filho de 13 anos foi o primeiro a falar. Ele disse: Vamos pai, quero ver você jogando na televisão, ir ao estádio. Ele está começando a jogar bola agora, eufórico com futebol. Ele foi o meu maior incentivador, além do fato do Macaé não ter disputado o Carioca do ano passado. Coloquei também como objetivo ajudar a colocar o Macaé na elite do futebol, lugar de onde não deveria ter saído”, concluiu.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Voltante acredita que o Macaé possa surpreender os adversários no Campeonato Carioca Vanderlei Corrêa/Divulgação Macaé Esporte
Gedeil é o jogador que mais vezes vestiu a camisa do Macaé na história do clube Vanderlei Corrêa/Divulgação Macaé Esporte

Comentários