Homem acusado de estuprar filha adotiva é preso

Durante consulta médica, menor contou que sofreu abusos e que o responsável é seu próprio pai

Por tamyres.matos

Rio - Policiais da Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV) prenderam, na noite de segunda-feira, João Carlos Ferrão Junior, de 32 anos. Contra ele existe um mandado de prisão preventiva expedido pela 5ª Vara Criminal da Capital. O criminoso é acusado de abusar sexualmente de sua filha adotiva, desde que ela tinha 10 anos.

Segundo os agentes, a menor relatou o abuso durante uma consulta ao ginecologista. O crime ocorria na casa de João, no Morro de São Carlos, na Zona Norte do Rio, durante o período de visitação.

Ainda de acordo com os policiais, João foi procurado em sua residência, mas não foi encontrado. Ele compareceu até o Tribunal de Justiça, de onde foi encaminhado para a especializada para o cumprimento do mandado.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia