Bope acha arma do ‘Robocop’ no Dendê

Modelo de pistola usado no cinema estava em poder do tráfico

Por thiago.antunes

Rio - O que para muitos parece ficção é a pura realidade no Morro do Dendê, na Ilha do Governador: uma pistola semelhante à utilizada pelo ‘Robocop’ — o policial do futuro nos filmes de ação — foi encontrada nesta segunda-feira por agentes do Batalhão de Operações Especiais (Bope). A pistola, do modelo Desert Eagle (Águia do Deserto, em inglês) e calibre ponto 44, estava nas mãos de traficantes da comunidade, que demonstraram ter alto poder bélico. Ninguém foi preso nem houve tiroteio.

Arma calibre 44 foi apreendida no Morro do Dendê%3A ninguém foi presoUanderson Fernandes / Agência O Dia

Além da arma ‘cinematográfica’ e 300 quilos de maconha, PMs acharam escopeta calibre 12, metralhadora 9 mm, 6.400 projéteis, 14 granadas, coletes balísticos, metralhadora ponto 30 e munição para ponto 50. Essas duas últimas são armas antiaéreas, o que preocupou a polícia, já que o morro fica perto do Aeroporto Internacional Tom Jobim, portanto, rota de aeronaves. A polícia também estourou local onde as drogas eram preparadas para consumo.

Todo o material foi encontrado graças à análise de dados fornecidos pelo Disque-Denúncia (2253-1177). O serviço enviou à tropa de elite da PM informações coletadas durante 30 dias, que foram estudadas pela agência de inteligência do Bope. Desde o início da manhã desta segunda, os policiais fizeram ação pontual, em endereços certos onde havia arsenal e grande quantidade de entorpecentes. Num acesso à favela pelo Guarabu, agentes encontraram paiol numa garagem.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia