Por paulo.gomes

Rio - A Justiça pediu na manhã desta quinta-feira a prisão temporária de 30 dias de Samile Pinto da Fonseca, 39 anos, e seu namorado, Fábio de Oliveira Furtado, 18 anos, suspeitos de serem os autores da morte de Sônia Maria Pinto da Fonseca, 62 anos, em Santa Cruz, Zona Oeste. A vítima foi encontrada nesta quarta-feira, pela Divisão de Homicídios da Capital, com o corpo já em decomposição, escondido numa camada de concreto abaixo da pia da cozinha na casa onde morava.

Segundo informações de vizinhos, que desconfiaram do desaparecimento de Sônia, era comum mãe e filha brigarem por conta do relacionamento de Samile e Fábio. A diferença de idade do casal (21 anos) incomodava a vítima. A DH está investigando o caso e os suspeitos estão foragidos.

Você pode gostar