MP pede prisão preventiva de envolvidos em roubo de carga na Baixada

Eles são acusados de formação de quadrilha

Por thiago.antunes

Rio - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 11ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal da 3ª Central de Inquéritos, pediu a prisão preventiva de Alexandre da Conceição Repizo, o Xandeco do Caminhão, Douglas Reis de Sales, Willian Pereira da Silva, o Xumbinho, Maximiliano Gonçalves da Silva e Fabiano Silva Melo pelo crime de organização criminosa. Eles são acusados de envolvimento em um esquema de roubo de carga no Rio de Janeiro e na Baixada Fluminense.

De acordo com a denúncia, os criminosos interceptavam veículos transportadores em vias expressas e, armados, rendiam os motoristas. Por meio da instalação e um aparelho bloqueador de sinal GSM, inviabilizavam o uso dos rastreadores nos caminhões roubados.

Vale destacar, ainda, que os quatro primeiros denunciados encontram-se presos em razão da decretação de prisão temporária, fruto de operação realizada pela Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC). Fabiano Silva Melo permanece foragido.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia