Chileno é preso após aplicar golpe em loja de decoração na Barra da Tijuca

Homem efetuava compras para posterior retirada, utilizando dados pessoais de terceiros e cartões supostamente clonados

Por thiago.antunes

Rio - Policiais da Delegacia de Dedicação Integral ao Cidadão – DEDIC – 16° DP (Barra da Tijuca) prenderam em flagrante, terça-feira, o chileno Alejandro Felipe Vanni Sarras, 34 anos, por estelionato, com uso de documento falso.

Os agentes foram acionados pela gerente de uma loja de móveis e decoração localizada na Barra da Tijuca, sobre a prática de possível crime de estelionato. Os policiais imediatamente foram até o estabelecimento comercial, onde Alejandro entrava em um veículo com as mercadorias adquiridas de forma fraudulenta.

Alejandro efetuava compras para posterior retirada, utilizando dados pessoais de terceiros e cartões de crédito supostamente clonados. Quando da retirada das mercadorias, ele se fazia passar por outra pessoa, utilizando, inclusive, cédula de identidade falsa. O preso encaminhado para o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia