Polícia apreende animais e detém sete pessoas na Feira de Caxias, na Baixada

As 181 aves serão encaminhadas para centro de ressocialização do Ibama e devolvidas ao meio ambiente

Por nicolas.satriano

Rio - Ao todo 12 pessoas foram flagradas vendendo ilegalmente animais silvestres na manhã deste domingo, na Feira de Caxias, na Baixada Fluminense. Entre eles, cinco são menores e foram apreendidos junto com a carga de aproximadamente 181 animais. Policiais militares do Comando de Policiamento Ambiental (CPam) que participaram da operação estimam que os comerciantes ilegais conseguririam pelos bichos aproximadamente R$ 15 mil. 

As aves, os menores apreendidos e os sete homens presos foram encaminhados para a 59ª DP (Caxias). Segundo com a PM, os 181 animais são: dois papagaios, 13 curiós, dois tico-ticos, dois galinhos da serra, 74 canários-da-terra, 46 pixoxós, 31 coleiros, dois azulões, um tiê-sangue, seis trinca-ferros e um tiziu. De acordo com o CPam, novas ações para coibir a venda ilegal dos bichos serão realizadas futuramente. 

Os animais irão, em seguida, para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (Cetas), em Seropédica, onde o passarão por tratamento e trabalho de ressocialização no meio ambiente. A polícia chegou aos comerciantes ilegais atráves de informação enviada pelo Disque-Denúncia (2253-1157).

PM apreende 181 animais em operação na Feira de CaxiasDivulgação


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia