Ilhas cariocas são fotografadas em diferentes ângulos

Projeto 'Ilhas do Rio' reúne 400 imagens das belezas naturais na água, no mar e na terra

Por gabriela.mattos

Rio - As belezas das ilhas cariocas agora podem ser conhecidas em diversos ângulos. Com objetivo de conscientizar a população sobre a preservação do meio ambiente, o projeto "Ilhas do Rio" lançou a segunda publicação de fotos que mostram as ilhas da cidade, como Cagarras, Palmas, Comprida e Redonda, além das ilhas Rasa, Tijucas e Maricás.

Projeto 'Ilhas do Rio' lança livro com diversas fotos de ilhas do litoral carioca%2C como Palmas%2C Cagarras e CompridaDivulgação

Fotografadas no mar, no ar e na terra, as imagens levam o leitor a um passeio pelas belezas e riquezas desses cenários naturais do Rio, muitas vezes desconhecidos pela ciência, bem como por moradores e turistas.

?VEJA GALERIA DE FOTOS

Cenas inusitadas e comportamentos singulares são exemplos que foram vivenciados e reproduzidos através de mais de 400 fotos, distribuídas em 600 páginas. Dividido em sete capítulos - Paisagem das Ilhas, Flora Terrestre, Fauna Terrestre, Céu das Ilhas, Fundo do Mar, Coluna d'água e Homem e Natureza -, o livro exibe as ilhas como um belíssimo cartão postal e um importante refúgio da biodiversidade, inimaginável de existir tão próximo a uma grande metrópole brasileira.

São apresentadas mais de 200 espécies da fauna e flora marinhas e terrestres, incluindo endêmicas (que só existem na região), raras e novas para ciência. As imagens destacam as Ilhas Cagarras como sendo o segundo maior ninhal de atobás-marrons e fragatas do Brasil, além de abrigar um sítio arqueológico, indício da ocupação de povo Tupi-Guarani no período pré-colonial. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia