Por felipe.martins

Rio - Emendas apresentadas por deputados tornaram ainda mais generoso o projeto da Secretaria de Fazenda que beneficia quem quitar dívidas de até R$ 10 milhões com o estado. A nova versão, que será votada hoje na Assembleia Legislativa, perdoa 100% dos juros e das multas para pagamentos à vista: a proposta original previa redução de 50% de abatimento nos juros e de 70% nas multas. 

O parcelamento, que seria de até 36 meses, pulou para 60 meses — quem optar pelas prestações terá descontos de até 80%. O carinho é por conta da falta de grana do governo, que pretende arrecadar R$ 720 milhões com a lei.

Injustiça 1

A Justiça determinou o bloqueio de bens de dois ex-diretores da Central — empresa responsável pelos bondes de Santa Teresa — que só assumiram seus cargos depois do acidente com o bondinho que, em 2011, matou seis pessoas.

Injustiça 2

Carlos Eduardo Carneiro Macedo e Ana Carolina Vasconcelos foram nomeados para tentar resolver os problemas que geraram o acidente. Nem se quisessem poderiam ter colaborado para a tragédia.

Cursos de turismo

Continua a farra dos cursos de mentirinha feitos com dinheiro público. Vereadores de Paracambi,Alan dos Santos e Marco Aurélio Lopes embarcaram ontem para Porto Seguro — em tese, vão aprender “noções de técnicas legislativas”. Eles só voltam semana que vem. Cada um receberá R$ 5 mil em diárias. Santos não retornou as ligações do Informe; Lopes disse que não trataria do assunto por telefone.

Cosa nostra

Três casas clandestinas na Barra e no Recreio que promoviam o Texas Hold’em, um tipo de pôquer, foram invadidas e depredadas na semana passada. A ordem teria partido do sujeito que controla os jogos na região: o bicho pegou.

Você pode gostar