Mais 14 casos de Covid-19 em Nova Friburgo

Realização de testes aumenta o número de casos confirmados no município

Por Paula Valviesse

Sede da Prefeitura de Nova Friburgo, no Centro
Sede da Prefeitura de Nova Friburgo, no Centro -
A Prefeitura de Nova Friburgo atualizou na noite desta quarta-feira (10/06), o número de casos da Covid-19 no município. Segundo o boletim da Secretaria Municipal de Saúde, com a realização de mais testes, os casos confirmados passaram de 311 para 325. No entanto, no sistema da Secretaria de Estado de Saúde, ainda são contabilizados 369 casos e 27 mortes na cidade.
O município segue com 28 mortes, sendo uma delas de um profissional da área de Saúde. Ainda de acordo com a prefeitura, os casos suspeitos chegam a 41, estando 19 pessoas internadas e 17 em isolamento domiciliar. Ainda são aguardados os resultados dos exames de cinco novos óbitos.

Sem previsão de flexibilização do comércio

O decreto Municipal 591/2020, publicado no dia 28 de maio pelo Executivo, que apresentava as medidas de retomada gradual das atividades, continua suspenso pela liminar da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro.

A decisão da 2ª Vara Cível da Comarca de Nova Friburgo determina que sejam mantidas as medidas de isolamento e distanciamento social, instituídas pelo Decreto Municipal 541/2020, que estabeleceu o estado de calamidade pública em decorrência da pandemia.

Além disso, o texto ainda destaca a necessidade de avaliar um acirramento das medidas de isolamento, considerando inclusive o lockdown, uma vez que a última informação fornecida à Defensoria era de que o Sistema de Saúde estava atuando com capacidade máxima, quando o mínimo de ocupação discutido para flexibilização do isolamento é de 70%.

Movimento #SomosTodosNovaFriburgo

Após a suspensão da abertura gradual, que estava prevista para começar no dia 1º deste mês, os setores empresariais do município se organizaram para abrir um debate mais amplo sobre a flexibilização.

A primeira reunião virtual, organizada pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), em parceria com o Ministério Público do Trabalho (MPT), aconteceu na última quinta-feira (4/06), e reuniu importantes representações, como a Câmara de Dirigentes Lojistas, Firjan Centro-Norte Fluminense, Sindicato das Indústrias do Vestuário de Nova Friburgo (Sindvest), Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Nova Friburgo (Acianf), Conselho Comunitário de Segurança (Conseg), Sindicato do Comércio Varejista de Nova Friburgo (Sincomércio) e Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/NF).

Comentários