Alunos de Nova Iguaçu recebem certificados do projeto Bombeiro Mirim

Os estudantes participaram de oficinas de combate a incêndio e oficina de primeiros socorros

Por O Dia

Os bombeiros mirins receberam o certificado na cerimônia de encerramento do projeto
Os bombeiros mirins receberam o certificado na cerimônia de encerramento do projeto -
Nova Iguaçu - Aluno da Escola Municipalizada Adrianópolis, Davi da Silva, de 11 anos, foi um dos 380 estudantes que receberam, nesta sexta-feira, dia 20, o certificado de conclusão do curso de formação do projeto Bombeiro Mirim, uma parceria entre a Secretaria Municipal de Educação de Nova Iguaçu e o 4º Grupamento de Bombeiro Militar do município.
O menino, que sonha se tornar militar, foi um dos mais animados do curso e quer ensinar aos pais e amigos como conter um vazamento de gás e detectar um princípio de incêndio, por exemplo.“Esse curso criou em mim o sonho de ser bombeiro, pois vou poder salvar vidas”, conta Davi”. “Além de ter aprendido a conter o vazamento de gás em um botijão, vou poder explicar aos meus pais e colegas como é a vida do bombeiro e como é perigoso o trabalho deles”.

Os estudantes  participaram de oficinas de combate a incêndio com extintor e na Casa de Fumaça. Desenvolveram habilidades de resgate na brigada de incêndio, treinamento militar com teste físico e oficina de primeiros socorros. O objetivo do projeto é despertar nos participantes o senso e a prática de cidadania e disciplina.

O prefeito de Nova Iguaçu, Rogerio Lisboa, afirmou que a parceria entre o poder público e as forças de segurança faz uma enorme diferença na vida dos alunos. Ele lembrou do projeto Escolas Seguras, da Defesa Civil, e do Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd), parceria da Prefeitura com a Polícia Militar do Rio de Janeiro, que, na última quarta-feira, dia 18, formou cerca de 1.900 estudantes de 27 escolas da rede municipal de educação.

“São parcerias como estas que ensinam aos alunos que os verdadeiros heróis são nossos pais, professores, bombeiros, policiais, ou seja, pessoas que cuidam da gente”, afirma o prefeito. “Os alunos ficam mais dedicados e disciplinados. Além de ensinar temas essenciais, o Bombeiro Mirim ainda orienta, por exemplo, a criança a não passar trote pelo telefone, pois isso ocupa o tempo do militar de forma desnecessária, deixando de salvar uma vida. Até esse ensinamento é importante”.

De acordo com a secretária municipal de Educação, Maria Virgínia Andrade, o projeto Bombeiro Mirim será ampliado a partir de março de 2020. “Este ano foram 12 escolas participantes. Em 2020, vamos chegar a 20 unidades. Queremos envolver mais mil alunos neste projeto, que é uma formação técnica e prática, deixando nossos estudantes mais atentos em salas de aula”, enfatizou a secretária.

Também estiveram presentes na entrega dos certificados, o procurador geral de Nova Iguaçu, Rafael Alves, o tenente-coronel Ribeiro Alves, comandante do 4ºGBM (Grupamento de Bombeiro Militar de Nova Iguaçu), além do tenente coronel Vilson Santos, superintendente de Proteção Comunitária da Defesa Civil do município.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Os bombeiros mirins receberam o certificado na cerimônia de encerramento do projeto Alziro Xavier/ Divulgação PMNI
Os bombeiros fizeram simulações de emergência com os alunos Alziro Xavier/ Divulgação PMNI
o tenente-coronel Ribeiro Alves, comandante do 4ºGBM , finalizou as aulas do projeto este ano Alziro Xavier/ Divulgação PMNI

Comentários