Matéria Salva!

Agora você pode ler esta notícia off-line

Matéria removida da seção links salvos
Publicidade

Covid-19: Rio das Ostras recua para Bandeira Vermelha

Município trabalha medidas mais rígidas de prevenção ao coronavírus

É fundamental para melhorar os índices de Rio das Ostras que as pessoas só saiam de casa por necessidade e usando máscara - Divulgação/Claudio Pacheco
É fundamental para melhorar os índices de Rio das Ostras que as pessoas só saiam de casa por necessidade e usando máscaraDivulgação/Claudio Pacheco
Por Ana Clara Menezes
Rio das Ostras - Na reunião da Comissão Municipal de Enfrentamento da Covid-19 de Rio das Ostras desta quinta-feira, 10 de dezembro, juntamente com o Ministério Público (MP), foram reavaliados os indicadores epidemiológicos e de saúde, disponibilizados pela Secretaria Municipal de Saúde, e Rio das Ostras avançou para a Bandeira Vermelha.
A cidade contabiliza 3360 casos da Covid-19 confirmados, 105 óbitos registrados e 2 óbitos em investigação. Os leitos clínicos, estão 97% ocupados e os leitos de UTI, 90,9% ocupados, segundo a Prefeitura.

Mas diante das medidas que já vinham sendo tomadas pela Administração, ficam valendo até a próxima quarta-feira, 16 de dezembro, as restrições do Decreto Municipal nº 2720/2020, publicado no Jornal Oficial nº 1258 de 02 de dezembro, disponível no site oficial – www.riodasostras.rj.gov.br.

O Prefeito Marcelino Borba conseguiu junto ao MP manter as medidas do último decreto para evitar ações mais rígidas, mas é preciso, mais do que nunca, da colaboração individual de toda população.

Embora esteja disponível no site oficial as regras específicas da Bandeira Vermelha, ficam valendo até a quarta-feira a proibição de todos os tipos de eventos, pagos ou gratuitos; e o funcionamento de feiras livres, casas de festas, boates e casas de shows com venda ou não de ingressos. Fica suspensa a execução de qualquer tipo de música, seja ambiente, voz e violão, banda, DJ, entre outros, em diversos estabelecimentos e locais públicos.

As limitações de mesas dos quiosques e demais estabelecimentos - restaurantes, bares, depósitos, bares com serviço completo de gastronomia e lanchonetes, também continuam. Assim como os horários de funcionamento e a proibição da venda e consumo de bebidas alcoólicas em balcões dos estabelecimentos de qualquer natureza, permitindo a comercialização apenas para retirada ou delivery.

A proibição de circulação de pessoas entre meia-noite e 5h também continua, assim como a obrigatoriedade do uso de máscara facial em todo Município.

COLABORAÇÃO DE TODOS – A pandemia é uma crise sanitária nunca vista nos últimos tempos e suas consequências são gravíssimas. Não só em Rio das Ostras, mas em todo Estado do Rio de Janeiro, as redes pública e particular estão com ocupação máxima e nenhum recurso a mais freará a contaminação se não houver uma conscientização de todos.

Os comércios ainda estão abertos, mas o apelo é que as pessoas saiam de casa somente para o extremamente necessário, evitando aglomerações, e sempre usando máscara e respeitando as medidas sanitárias.

O Município precisa reduzir urgentemente os índices de propagação da Covid-19 para evitar medidas mais duras, e para isso é necessária a colaboração de todos.
Você pode gostar
Comentários
mais notícias