Mais Lidas

Morre soldado da PM atingido na cabeça após ataque contra viatura na Zona Norte

Soldado estava internada em estado grave, na Zona Norte, após tiroteio em Manguinhos. Esta é a segunda morte de PM neste ano

Por rafael.nascimento

Rio - Morreu nesta segunda-feira o soldado baleado na cabeça, na manhã deste domingo, após uma viatura da equipe de supervisão da Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP) que passava pela Avenida Leopoldo Bulhões, próximo à favela de Manguinhos, na Zona Norte, ser atacada por criminosos armados.

Identificado como Paiva, o militar chegou a ser socorrido para o Hospital Quinta D'or, em São Cristovão. A morte do agente foi confirmada no começo da tarde desta segunda pela Coordenadoria de Polícia Pacificadora (CPP). Policiais do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e de outras UPPs reforçaram o patrulhamento na região durante todo o domingo. Ainda não há infortmações sobre o local do velório e do enterro. 

Segunda morte

Paiva é o segundo PM a ser morto neste ano no Rio. O primeiro foi André William Barbosa de Oliveira, lotado no 3º BPM (Méier). Ele foi encontrado morto dentro do porta mala de seu carro, na manhã deste domingo, 1º de janeiro, na Rua Clodoaldo de Freitas, em Guadalupe. Há informações de que ele tenha sido sequestrado por criminosos em uma festa no Batan, Zona Oeste, onde estava com a namorada. O policial foi morto a tiros.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia