Mais Lidas

Rocinha tem manhã de tiroteio

Vídeo mostra confronto na comunidade da Zona Sul do Rio

Por O Dia

Troca de tiros aconteceu depois que policiais militares foram recebidos a tiros no Largo do Boiadeiro
Troca de tiros aconteceu depois que policiais militares foram recebidos a tiros no Largo do Boiadeiro -

Rio - Um vídeo mostra os momentos de pânico vividos pelos moradores da Rocinha, na Zona Sul do Rio. A comunidade enfrentou mais uma manhã de tiroteio deste domingo. Nas imagens, compartilhadas na página do Facebook do Onde Tem Tiroteio (OTT-RJ), é possível observar que a munição é de grosso calibre. 

"Continua tudo igual", comentou um internauta. "Uma das piores coisas do mundo é a falta da paz. Não se tem mais paz. Acordar em domingo dentro da guerra...", escreveu outra pessoa. 

Segundo a UPP Rocinha, o confronto aconteceu porque os policiais militares foram recebidos a tiros durante patrulhamento no Largo do Boiadeiro. Até o momento, não houve prisões e apreensões assim como não há informações de feridos.

Conflitos na Rocinha

A Rocinha sofre com confrontos desde setembro do ano passado, quando houve uma disputa entre grupos rivais de Rogério Avelino dos Santos, o Rogério 157, e de Antonio Bonfim Lopes, o Nem da Rocinha. De dentro de uma penitenciária federal, Nem deu ordem para que integrantes de seu grupo expulsassem Rogério 157 da comunidade. Os intensos conflitos entre os dois grupos levaram o governador Luiz Fernando Pezão a pedir que as Forças Armadas ocupassem a comunidade para apoiar as ações policiais, o que foi atendido pelo presidente Michel Temer.

Um relatório de inteligência da polícia apontou que o Primeiro Comando da Capital (PCC), maior facção do país, se aliou ao traficante Antônio Bonfim Lopes, o Nem da Rocinha, e já domina a parte baixa da comunidade. Nem era da facção Amigos dos Amigos (ADA) e teria se aliado ao PCC em fevereiro deste ano. O traficante domina metade da comunidade. A outra parte da Rocinha, é controlada por Rogério Avelino da Silva, o Rogério 157, que foi para o Comando Vermelho (CV) recentemente. 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários