Jovem morre e PM fica ferido em dia de confronto na Rocinha

Luís Otavio Siqueira Carvalho, de 27 anos, foi morto durante a manhã na Rua 2; A Delegacia de Homicídios da Capital investiga a morte

Por O Dia

Um policial militar do Bope foi ferido em confronto e socorrido para o Hospital Miguel Couto, na Gávea
Um policial militar do Bope foi ferido em confronto e socorrido para o Hospital Miguel Couto, na Gávea -

Rio - Desde as primeiras horas da manhã deste domingo um intenso confronto entre policiais militares e bandidos assusta moradores da Rocinha, na Zona Sul da cidade. O jovem Luís Otavio Siqueira Carvalho, de 27 anos, foi morto durante a manhã na Rua 2. No confronto, um policial militar do Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) da região foi ferido no braço. 

A Delegacia de Homicídios da Capital (DH) está investigando a morte. Em nota, a DH informou que uma perícia foi realizada no local.

De acordo com a UPP, por volta das 6h40, a base da Unidade de Polícia Pacificadora, na Rua 2, foi atacada por criminosos armados. Houve confronto e um policial foi ferido no braço. Ele foi levado ao Hospital Miguel Couto, na Gávea, e passa bem. Militares do Batalhão de Operação Policiais Especiais (Bope) atuam na região.

Ainda segundo a PM, na madrugada desse domingo, policias da UPP prenderam dois homens após abordagem policial. Um deles estaria com um tablete de maconha e o outro com munições. As ocorrências foram registradas na 12ª DP (Copacabana).

Nas redes sociais, moradores relataram que o tiroteio começou às 6h30. Vídeos divulgados pelo aplicativo Onde Tem Tiroteio (OTT-RJ) mostram o som dos tiros dentro da comunidade.

Últimas de Rio de Janeiro