Intenso tiroteio no Vidigal interdita a Avenida Niemeyer

Via ficou fechada durante uma hora e meia nos dois sentidos

Por O Dia

Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer
Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer -

Rio - Um intenso tiroteio, na manhã desta quinta-feira, assustou moradores do Morro do Vidigal, na Zona Sul do Rio. Por causa do confronto, o Centro de Operações da Prefeitura (COR) interditou, às 10h50, a Avenida Niemeyer nos dois sentidos, para ação da Polícia Militar. Após 1h30 fechada, a via foi liberada às 12h20. 

De acordo com a Polícia Militar, policiais da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) Vidigal foram recebidos a tiros por criminosos durante um patrulhamento na comunidade, na localidade conhecida como Pedra da Cruz e houve confronto. Um suspeito foi ferido e socorrido ao Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea.

Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer - Severino Silva / Agência O Dia

Até o momento, não informações sobre o estado de saúde do ferido. Com ele, os agentes apreenderam um fuzil e um carregador, segundo a Polícia Militar.

Nas redes sociais, moradores relataram o clima tenso na comunidade. "Tudo fechado por causa do tiroteio", escreveu uma internauta. "Bicho pegando no Vidigal", disse outro. "Que Deus nos proteja", comentou mais uma. Um vídeo publicado pela página "Onde Tem Tiroteio" mostra o intenso tiroteio no Vidigal; assista. 

 

Galeria de Fotos

Movimentação após o tiroteio no Vidigal Severino Silva / Agência O Dia
Policiamento foi reforçado na Avenida Niemeyer Severino Silva / Agência O Dia
Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer Severino Silva / Agência O Dia
Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer Severino Silva / Agência O Dia
Policiamento foi reforçado na Avenida Niemeyer, no Vidigal Severino Silva / Agência O Dia
Tiroteio no Vidigal assustou moradores e interditou a Avenida Niemeyer Severino Silva / Agência O Dia
Morro do Vidigal, na Zona Sul do Rio Daniel Castelo Branco / Agência O Dia

Últimas de Rio de Janeiro