Clínica de estética é parcialmente fechada na Baixada após inspeção da Vigilância Sanitária

Materiais cirúrgicos sem esterilização foram apreendidos. Local não possuía um alvará de funcionamento, bem como nenhuma documentação legal

Por O Dia

Materiais cirúrgicos não tinham informações sobre datas de esterilização, que, quando feita, era em desacordo com as determinações legais
Materiais cirúrgicos não tinham informações sobre datas de esterilização, que, quando feita, era em desacordo com as determinações legais -

Rio - Uma clínica de emagrecimento e cirurgia plástica em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, foi parcialmente fechada, nesta quinta-feira, após uma fiscalização da Vigilância Sanitária na unidade.

Segundo policiais da Delegacia Especial de Atendimento à Mulher, a fiscalização ocorreu após uma denúncia de lesão grave decorrente de um procedimento estético para a redução das nádegas e lifting (para deixá-las empinada). Além disso, uma denúncia de exercício ilegal da Medicina também foi recebida pelos agentes.

No procedimento, realizado na Clínica de Emagrecimento e Cirurgia Plástica Dr. Birman, houve a injeção de Metacril, o mesmo produto utilizado pelo médico Denis Furtado, o Doutor Bumbum, que está preso, além de uma lipoaspiração na barriga, com retirada de pele, procedimento que deve ser feito em sala cirúrgica.

Clínica foi parcialmente fechada após inspeção da Vigilância Sanitária - Divulgação

No local, o órgão de fiscalização encontrou diversas irregularidades, entre elas, instrumentos cirúrgicos que estavam sem esterilização ou esterilizados em desconformidade com as determinações legais. Além disso, a clínica não possuía um alvará de funcionamento, bem como nenhuma documentação legal.

As investigações indicam que há informações de duas pacientes em estado grave, operadas em São Paulo, com perfuração de artéria da perna e outra com Sepse, resposta inflamatória generalizada do organismo à uma infecção, que servirão de testemunhas.

Os materiais foram apreendidos para perícia.

Galeria de Fotos

Materiais cirúrgicos não tinham informações sobre datas de esterilização, que, quando feita, era em desacordo com as determinações legais Divulgação
Vigilância Sanitária encontrou material cirúrgico sem esterilização na unidade FOTOS DE Divulgação

Últimas de Rio de Janeiro