Submetralhadora da PM é encontrada com casal de traficantes em São João de Meriti

Além da arma, foram encontradas anotações e contabilidade do tráfico das comunidades do Guarani e Vila Ruth

Por O Dia

Arma estava em uma residência da Rua Gamos, no bairro Jardim Metrópole
Arma estava em uma residência da Rua Gamos, no bairro Jardim Metrópole -

Rio - Policiais da delegacia de São João de Meriti (64ª DP), na Baixada Fluminense, prenderam em flagrante, nesta quarta-feira, o casal de traficantes Lane Necy Martins, conhecida como Cacá da Penha, de 40 anos, e Luciano de Araújo da Silva, o Chichio, de 43. Eles foram presos em uma residência da Rua Gamos, na comunidade do Guarani, no bairro Jardim Metrópole. Com eles, os agentes encontraram uma submetralhadora calibre 9 mm da PM.

De acordo com a Polícia Civil, os agentes receberam uma denúncia de que no endereço onde o casal estava havia armas e drogas. No local, além da submetralhadora, foram encontradas anotações e contabilidade do tráfico do Guarani e da comunidade Vila Ruth, além de cartas citando o grau de envolvimento da Cacá da Penha com a cúpula da facção Comando Vermelho (CV). 

A ação aconteceu no âmbito da Operação Anjos da Lei, que mira o combate ao tráfico de drogas nas proximidades de escolas de todo o país.

A traficante estava em liberdade condicional pelo crime de associação para o tráfico, pelo qual foi condenada a 15 anos de prisão em 2013. O marido possui várias passagens pela polícia por roubo de veículo, de carga e de pedestres.

Agora, eles vão responder também pelos crimes de posse de arma de uso restrito e associação para o tráfico de drogas.

Últimas de Rio de Janeiro