Policial militar morre após tentativa de assalto em Cascadura

Subtenente trafegava pela Rua Iguaçu quando reagiu a uma tentativa de assalto na tarde deste sábado

Por O Dia

Subtenente da reserva Cláudio Campello Marazzo reagiu a assalto
Subtenente da reserva Cláudio Campello Marazzo reagiu a assalto -

Rio - Um policial militar morreu após tentativa de assalto, em Cascadura, Zona Norte do Rio, na tarde deste sábado. De acordo com o 9º BPM (Rocha Miranda), o subtenente da reserva Claudio Campello Marazzo, de 54 anos, trafegava pela Rua Iguaçu, no bairro Engenheiro Leal, quando foi abordado por criminosos, que tentaram levar seu carro. Ele reagiu à tentativa de assalto e foi baleado na mão, pescoço e peito. Os bandidos levaram a arma do policial. O subtenente foi socorrido por familiares para a Maternidade Herculano Pinheiro, em Madureira, mas não resistiu. Equipes da Divisão de Homicídios (DH / Capital) estão seguindo para o local.

A Polícia Militar lamentou a morte do militar. O subtenente entrou na corporação em 1986, era casado e deixa cinco filhos. "Ainda não temos informações sobre o sepultamento", diz em nota.

Com a morte de Claudio Campello Marazzo, são 86 policiais militares mortos vítimas de ações violentas no Rio este ano.

A Polícia Civil informou que o caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios (DH / Capital). A perícia foi realizada e agentes estão em busca de imagens e informações que levem a autoria do crime. Diligências estão em andamento.

 

Últimas de Rio de Janeiro