Exército destrói cerca de dez mil armas na operação Vulcão II

Armas foram apreendidas durante ações policiais

Por O Dia

Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais -

O Comando Militar do Leste (CML) realizou na manhã desta terça-feira, em Deodoro, na Zona Oeste da cidade, a operação Vulcão II para a destruição pública de milhares de armas apreendidas em diversas atividades policiais.

Cerca de dez mil armas apreendidas nas ações policiais foram destruídas em uma cerimônia no Batalhão de Manutenção e Suprimento de Armamento, na Av. Duque de Caxias, como parte da operação Vulcão II, do Exército.

Galeria de Fotos

Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Na Operação Vulcão II, o Exército destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais ou entregues voluntariamente Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia
Operação Vulcão II destruiu mais de dez mil armas apreendidas em operações policiais Luciano Belford/Agência O Dia

Últimas de Rio de Janeiro