Funcionário da equipe de série da Globo morre após ser baleado em Maricá

Gravações de 'Shippados', que tem Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch no elenco, foram suspensas nesta terça-feira

Por O Dia

Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch são os protagonistas da série 'Shippados'
Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch são os protagonistas da série 'Shippados' -

Rio - Um eletricista da equipe da série "Shippados", da TV Globo, foi morto a tiros no final da noite de segunda-feira, quando chegava em sua casa, que fica na Rua 5, no distrito de  Itaipuaçu, em Maricá.

De acordo com o 12º BPM (Niterói), os agentes foram acionados para verificar ocorrência de disparos de armas de fogo. Ao chegar no local, eles encontraram dois homens baleados. Um deles era Francis Ferreira de Souza, o eletricista da série da Globo, que não resistiu aos ferimentos.

A outra vítima, Carlos Niedson Faria Adell, maquinista da equipe, foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros para o Hospital Municipal Conde Modesto Leal, no Centro. A perícia da Polícia Civil foi acionada. O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí.

A Central Globo de Comunicação divulgou uma nota sobre o caso. "As gravações da série ‘Shippados’ em Maricá foram suspensas hoje em função da morte do funcionário Francis Ferreira de Souza, eletricista da equipe, ontem à noite. Ele foi baleado quando chegava em casa, em Maricá, após um jantar, acompanhado do colega Carlos Niedson Faria Adell, maquinista da equipe, que se feriu na perna e está sendo transferido para um hospital na cidade do Rio de Janeiro. A Delegacia de Homicídios de São Gonçalo está investigando o crime".

A série "Shippados" é escrita por Fernanda Young e Alexandre Machado. Tatá Werneck e Eduardo Sterblitch são os protagonistas. 

 

Últimas de Rio de Janeiro